20 de Abril de 2019 | 06:09
redacao@diariodoms.com
-->

Warning: getimagesize(/home/diaridoms/public_html/fotos/noticias/8625_0.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/diariodoms/public_html/inc.exibe.php on line 49
Policial
Noticia de: 11 de Fevereiro de 2019 - 07:46
Fonte A - A+

Jovem que matou PM é membro do PCC e se apresentou com 2 advogados

Autor dos disparos se apresentou às 4h; defensores teriam sido pagos pela facção criminosa

O suspeito de matar o policial militar Juciel Rocha Professor seria integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital) e se apresentou à Polícia Civil com dois advogados. O crime ocorreu na madrugada deste domingo (10) e a vítima morreu após ser atingida por vários tiros na cabeça, em uma lanchonete de Maracaju, a 160 km de Campo Grande.

Conforme apuração do Campo Grande News, o autor dos disparos se apresentou às 4h, deste domingo, com dois defensores que também teriam sido pagos pela facção criminosa.

Foram identificados cinco envolvidos no crime. Além do autor dos tiros, um segundo envolvido no crime, que estava com a moto usada na execução, entrou em confronto com policiais do Choque e Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) e morreu.

Outros dois foram presos pela Polícia Civil e um quinto foi preso pela PM. Durante as buscas, o Choque recebeu apoio do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), além das polícias Civil e Militar.

Caso - O soldado da PM estava em uma lanchonete com amigos e a namorada, quando foi atingido com pelo menos cinco tiros na cabeça.O passageiro da motocicleta desceu sem tirar o capacete e seguiu diretamente para o PM.

A vítima estava de costas para o autor e não teve tempo de reagir. Após os disparos, os criminosos fugiram.


CAMPOGRANDENEWS 

social aqui