11 de Dezembro de 2018 | 15:28
redacao@diariodoms.com
-->
Geral
Noticia de: 29 de Novembro de 2018 - 07:19
Fonte A - A+

Coordenadoria de Trânsito e 8ª CIPM se reúnem para tratar sobre comportamento de condutores nas vias da cidade

Prefeitura esteve representada pela coordenador Executivo de Trânsito, no encontro com o comandante Erivaldo, da Polícia Militar

O coordenador Executivo de Trânsito da Prefeitura de Sidrolândia, Alessandro Dolacio se reuniu com o comandante da 8ª Companhia Independente de Polícia Militar, tenente-coronel Erivaldo José Roberto Alves, para tratar de assuntos referentes aos condutores e veículos que circulam pelo município.

A reunião contou também com a equipe de Policiamento e Fiscalização de Trânsito da 8ª CIPM, os quais informaram uma série de questões envolvendo a fiscalização de trânsito.

Um dos assuntos tratados foi a implantação do semáforo que tem previsão de ser inaugurado no início do mês de dezembro.

Foi lembrado que algumas placas de trânsito já foram instaladas na rotatória, sendo que algumas delas proíbem a realização de conversão em alguns pontos da Avenida Dorvalino dos Santos, porém as placas só passarão a valer a partir da ligação do conjunto semafórico.

A equipe de Policiamento e Fiscalização de Trânsito da PM também solicitou à Coordenadoria Executiva de Trânsito que inicie uma campanha na mídia local para que os condutores passem a seguir e respeitar as Leis de Trânsito.

Os policiais explicaram que o aumento na fiscalização ocorreu devido ao maior cumprimento da Legislação de Trânsito Brasileira, criada para o bem de toda a população, buscando a segurança dos condutores, seus familiares e os pedestres. Cumprir as Leis de Trânsito é dever de toda a população, e a educação do Trânsito é feita de várias formas.

Alessandro frisou que haverá algumas mudanças no sentido de certas vias da cidade, que passarão a ter, em certos trechos, sentidos de mão única. “Será realizado um período de adaptação em nosso município, para que os moradores, assim com visitantes, possam se acostumar com as mudanças acarretadas com a implantação do semáforo”.

O representante da Prefeitura na reunião ainda salientou que “a implantação do semáforo foi um pedido de grande parte da população sidrolandense, e para que isso acontecesse foram realizados estudos de impacto e um projeto, no qual algumas alterações foram necessárias. Caberá a nossa população atenção e boa conduta no trânsito para que o semáforo seja um sucesso e que venha a acabar com os problemas que a rotatória apresentava”.


assessoria de comunicação

social aqui