14 de Novembro de 2018 | 14:24
redacao@diariodoms.com
-->

Warning: getimagesize(/home/diaridoms/public_html/fotos/noticias/7753_0.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/diariodoms/public_html/inc.exibe.php on line 49
Economia
Noticia de: 03 de Maio de 2018 - 09:12
Fonte A - A+

Consumidor muda hábitos e venda de gasolina é a menor em 49 meses

Deixar o carro na garagem e usar mais ônibus estão entre as alternativas

a alternativas diversas: deixam o carro na garagem, usam aplicativos de transporte, reúnem mais pessoas no veículo ou andam de ônibus. As mudanças de hábitos refletem na comercialização do combustível: o volume vendido em fevereiro (último dado) é o menor em 49 meses.

“Carro só nas horas mais necessárias, como ir ao médico ou chegar muito rápido em algum lugar”, afirmou a cozinheira Cátia Sampaio, 39 anos, moradora do bairro Nova Lima. Em outras situações, ela tem usado ônibus. O conforto pode ser menor, mas a economia é significativa.

Quem está no setor de transporte nota bem as mudanças nas formas de deslocamentos. “Hoje, fiz viagem com uma cliente que está indo trabalhar de carona de manhã e volta para casa de mototáxi”, citou o mototaxista Nicanor Cabreira, 40 anos, Ele também tem buscado economizar.

“Tento encontrar postos mais baratos, mas está difícil”, afirmou. Familiarizada com os números, a economista Osmarina Camgussu, 66 anos, considera a possibilidade de substituir o carro por aplicativos de transporte. “Estou pensando. Vou avaliar a diferença de custo”, disse. E brincou que a melhor economia é ficar mesmo em casa.

O barbeiro Luan Galvarro, 23 anos, decidiu radicalizar: deixa agora o veículo só na gararem. “Carro agora é só pra viajar”, disse. Enquanto passeava com a esposa, a vendedora Vívian Oliveira, 22, e a filha de seis meses, Luan contou que a família passou a usar aplicativo de transporta. “Compensa, é mais barato. Além disso, não é preciso pagar estacionamento. E fica ainda mais em conta quando há mais passageiros”, afirmou. 


campograndenews

social aqui