14 de Dezembro de 2018 | 23:11
redacao@diariodoms.com
-->
Geral
Noticia de: 08 de Janeiro de 2018 - 18:30
Fonte A - A+

Idosa de 74 anos cai no golpe do “cartão retido” e perde R$ 8,1 mil

Uma idosa de 74 anos foi mais uma vítima do “golpe do cartão travado” e perdeu R$ 8,1 mil. Desta vez, o fato aconteceu na manhã desta segunda-feira (7), em uma agência do Banco do Brasil, localizada na rua Maracaju, região central de Campo Grande.

Este é o terceiro caso em dois dias no Estado. O primeiro foi registrado no sabádo (6) onde um idoso perdeu R$ 10 mil depois que o cartão dele ficou retido em um caixa eletrônico. No dia seguinte, uma mulher de 57 anos perdeu a mesma quantia em Dourados – a 233 quilômetros da Capital – após o cartão ficar preso. Todos os casos foram registrados em agências do BB.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima relatou que foi até a agência e ao tentar usar um caixa eletrônico foi orientada por um homem a utilizar outro terminal, pois o que iria usar estava estragado.

A idosa foi ao caixa indicado, porém o cartão ficou preso na máquina. Na tela do terminal, segundo a vítima, uma mensgaem dizia para que ela entrasse em contato com a central de atendimento do cartão.

Pelo telefone, a susposta atendente disse que o cartão foi cancelado. No entanto, posteriormente a vítima consultou a conta e descobriu que horas depois do cartão ficar preso foram realizadas movimentações na conta dela. O prejuízo foi o de R$ 8.170.

A ocorrência foi registrada na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro como estelionato.


campograndenews 

social aqui