13 de Dezembro de 2017 | 17:49
redacao@diariodoms.com
-->

Warning: getimagesize(/home/diaridoms/public_html/fotos/noticias/7436_0.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/diariodoms/public_html/inc.exibe.php on line 49
Policial
Noticia de: 07 de Dezembro de 2017 - 07:04
Fonte A - A+

Carga de cigarros apreendida pelo DOF vale mais de R$ 15 milhões

Apreensão foi a maior deste ano feita pela corporação em Mato Grosso do Sul, e total de 2017 é mais que o dobro de tudo o que foi recolhido ao longo do ano passado

A apreensão de um carregamento de cigarros contrabandeados do Paraguai nesta madrugada em Maracaju –a 160 km de Campo Grande– equivale a tudo o que o DOF (Departamento de Operações de Fronteira) já havia recolhido entre outubro e novembro deste ano. Os 390 mil pacotes de cigarros de oito marcas diferentes têm um valor total superior a R$ 15 milhões, considerando a venda dos produtos no varejo.

Trata-se da maior apreensão realizada pelo DOF neste ano, conforme dados da própria corporação. Os cigarros eram levados em oito carretas, que seguiam do Paraguai rumo a Campo Grande.

Em média, cigarros fabricados no Paraguai são vendidos ilegalmente no Brasil a R$ 4 o maço. Cada pacote, por sua vez, tem 10 maços, perfazendo assim R$ 40. Com a quantidade apreendida em Maracaju nesta madrugada, a movimentação financeira com a venda dos produtos chegaria facilmente a R$ 15,6 milhões.

O carregamento foi apreendido por volta das 2h na MS-164, entre o distrito de Vista Alegre e Maracaju –uma rodovia comumente usada por quem viaja entre Campo Grande e o Paraguai e também rota de contrabandistas com destino aos principais centros consumidores no Brasil.

Os motoristas das carretas levaram consigo R$ 32,9 mil em dinheiro, supostamente para pagar propina em barreiras de fiscalização e evitar a apreensão da droga. A carga e os veículos usados no transporte (três carretas, três bitrens e dois caminhões-baú) foram levados para Dourados, onde o DOF realizou a contagem dos cigarros.

Aumento – Dados do DOF apontam que o carregamento retirado das ruas nesta quarta-feira supera tudo o que a corporação apreendeu nos meses de outubro e novembro deste ano. Em outubro, foram 236.200 pacotes apreendidos, e 92.500 em novembro (328.700 no total).

Os números também apontam que quase dobrou o número de cigarros apreendidos de janeiro a novembro deste ano, na comparação com todo o ano de 2016. Em 11 meses de 2017, foram encontrados 812.824 pacotes de cigarros contrabandeados, frente a 458.162 no ano passado.

A esses números ainda devem ser somados, pelo menos, o carregamento apreendido nesta sexta, elevando para mais de 1,2 milhão de pacotes apreendidos, e outros 25 mil apreendidos em flagrante de cobrança de propina –quando o sargento Alex Duarte de Aguiar, 38, e o cabo Rafael Marques da Costa, 28, teriam cobrado R$ 150 mil para liberar o carregamento avaliado em R$ 1 milhão. Ambos tiveram a prisão preventiva decretada.

campograndenews 

social aqui