20 de Agosto de 2022 | 00:37
noticiasdiariodoms@gmail.com
-->

Warning: getimagesize(/home/diariocostarica/public_html/fotos/noticias/14037_0.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: Permission denied in /home/diariodoms/public_html/inc.exibe.php on line 49
Policial
Noticia de: 25 de Maio de 2022 - 18:29
Fonte A - A+

Polícia Civil desarticula quadrilha que furtava gado no Pantanal e usava armas de fogo para bater animais

Ação está ocorrendo na região de Corumbá. Até o fim da manhã haviam sido presas quatro pessoas em flagrante por porte ilegal de arma de fogo. Dois deles já tinham mandados de prisão expedidos pela Justiça para esta operação.

A Polícia Civil desarticulou uma quadrilha especializada em furtar gado de propriedades rurais no Pantanal sul-mato-grossense e usar armas de fogo para fazer o abate clandestino destes animais.

A Operação Marruá foi desencadeada no início desta quarta-feira (25) e envolve 26 policiais civis das delegacias de Corumbá e Ladário, além de policiais militares ambientais.

No cumprimento de mandados de busca e apreensão e de prisão estão sendo utilizados seis viaturas e três embarcações.

Uma parte da operação está ocorrendo na região conhecida como Formigueiro, às margens do rio Pacu, a cerca de uma hora e meia de distância – de barco, da cidade de Corumbá.


Até o fim da manhã haviam sido presas quatro pessoas em flagrante por porte ilegal de arma de fogo. Segundo a polícia, isso corrobora com a utilização de armas para o abate clandestino do gado furtado.

Dos quatro presos em flagrante, dois já tinham mandados de prisão expedidos pela Justiça para esta operação.

Além do furto do gado (abigeato) e porte de arma, os suspeitos também devem responder por ameaça e receptação.

A ação faz parte do projeto PC Presente e foi organizada pela Delegacia Geral de Polícia Civil (DGPC) junto com o Departamento de Polícia do Interior e a Delegacia Regional de Corumbá.
G1MS

social aqui