19 de Agosto de 2022 | 22:48
noticiasdiariodoms@gmail.com
-->

Warning: getimagesize(/home/diariocostarica/public_html/fotos/noticias/13544_0.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: Permission denied in /home/diariodoms/public_html/inc.exibe.php on line 49
Mundo
Noticia de: 30 de Dezembro de 2021 - 15:33
Fonte A - A+

Secretaria de Saúde de MS confirma 3ª morte por gripe A H3N2 em menos de uma semana

Conforme as informações apuradas pelo g1, a vítima era uma mulher de 55 anos, que morava em Dourados. O primeiro óbito ocorreu no dia 21 de dezembro em Campo Grande.

A secretaria estadual de Saúde (SES) confirmou o 3º óbito causado pelo vírus Influenza A H3N2 no Mato Grosso do Sul, em menos de uma semana. A vítima era uma mulher, de 55 anos, que estava internada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Dourados, a 229 quilômetros de Campo Grande. O óbito foi confirmado nesta quinta-feira (30).

Conforme nota divulgada pela SES, a mulher deu entrada em uma UPA no dia 27 de dezembro e veio a óbito no dia 28 de dezembro na área vermelha da unidade. O paciente não apresentava histórico de comorbidades. A vítima começou a sentir sintomas no dia 23 de dezembro.

Na terça-feira (28), a Secretaria de Estado de Saúde confirmou as outras duas mortes, sendo um jovem de 21 anos, que estava internado no Hospital Regional e morava em Campo Grande. O rapaz deu entrada no CRS Nova Bahia no dia 20 de dezembro e veio a óbito no dia 21 de dezembro. O paciente não apresentava histórico de comorbidades.

O segundo caso de morte causada por Influenza A H3N2 aconteceu em Corumbá, sendo a vítima uma idosa de 76 anos. A vítima deu entrada na Santa Casa de Corumbá no dia 20 de dezembro e acabou falecendo na tarde de terça-feira (28).


A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) confirmou nesta quinta-feira (30) dois casos positivos para Influenza A H3N2 em Três Lagoas. Os pacientes são uma idosa, de 64 anos, e um adolescente de 14 anos, que foram internados com sintomas respiratórios no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora. As vítimas foram submetidas a exames que confirmaram o diagnóstico. Todos os casos de Influenza A H3N2 no estado foram notificados em dezembro.

Vacina e prevenção
A vacinação contra Influenza segue disponível em Mato Grosso do Sul, nos municípios que ainda possuem doses em estoque. Todas as pessoas acima dos seis meses de idade podem receber o imunizante.

As medidas de prevenção são as mesmas das recomendadas ao coronavírus:

Manter o uso da máscara, especialmente nos locais pouco ventilados ou em que não é possível manter o distanciamento social;

Manter os ambientes bem ventilados;
Evitar aglomerações e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados);
Lavar frequentemente as mãos com água e sabão ou usar álcool em gel;
Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
Cobrir o nariz e boca ao espirrar ou tossir;
Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
Evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de gripe;
Dotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.
G1MS

social aqui