15 de Outubro de 2021 | 23:09
noticiasdiariodoms@gmail.com
-->

Warning: getimagesize(/home/diaridoms/public_html/fotos/noticias/13303_0.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/diariodoms/public_html/inc.exibe.php on line 49
Saúde
Noticia de: 24 de Setembro de 2021 - 09:09
Fonte A - A+

Com adesão à Caravana da Saúde em Sidrolândia, 1.716 pessoas poderão fazer cirurgias eletivas

Além de pactuar as 1.716 cirurgias eletivas, a prefeita Vanda Camilo garantiu com a Secretaria Estadual de Saúde que sejam feitos 5 mil exames de imagem

A Secretaria Estadual de Saúde homologou as propostas de adesão à Caravana da Saúde, na modalidade Opera MS, apresentadas por 34 municípios para custear até outubro de 2022 um total de 66.618 cirurgias eletivas, média mensal de 5.315 procedimentos. A Prefeitura de Sidrolândia pactuou a realização no Hospital Elimiria Silvério Barbosa de 1.716 cirurgias, média mensal de 132, o que torna possível acabar ainda este ano com a fila de espera de 250 pacientes. Por causa da pandemia, as cirurgias eletivas ficaram suspensas em todo o Estado por mais de um ano.

Dona Elenir Barbosa é uma das moradores de Sidrolândia que conseguirá sair da fila de espera. Admite que não vê a hora de fazer a cirurgia de vesícula para retomar a antiga rotina livre das dores. Elenir mora no Assentamento Eldorado e desde agosto do ano passado espera pelo procedimento cirúrgico.

A mesma expectativa, ainda que há menos tempo, experimenta Dilma Além Gil, 42 anos, residente na Aldeia Tereré. Assim como Elenir, ela aguarda pela cirurgia de retirada da vesícula biliar há quatro meses. Chamada de colecistectomia, é indicada quando são identificadas pedras na vesícula após realização de exames de imagem ou laboratoriais, como o de urina ou quando há sinais indicativos de vesícula inflamada. A cirurgia dura em média 45 minutos e são necessários apenas 1 a 2 dias de repouso com recuperação para as atividades normais em 1 a 2 semanas.

Além do procedimento para retirada da vesícula, os pacientes de Sidrolândia farão adenoidectomia; amigdalectomia; adenoidectomia; colecistectomia videolaparocóspica; hernioplastia epigástrica; hernioplastia umbilical; hernioplastia incisional; hernioplastia inguinal (bilateral); hernioplastia inguinal (unilateral); histerectomia total; tratamento cirúrgico de incontinência urinária por via vaginal; colperineoplastia anterior e posterior e colperineoplastia.

Antes mesmo do lançamento da Caravana da Saúde, a Prefeitura tem custeado com recursos próprios cirurgias ortopédicas e de cataratas. Nesta quinta-feira (23) foram feitas 11 cirurgias ortopédicas, totalizando 126 procedimentos desde o início do projeto. Já foram realizadas 65 das 120 cirurgias de catarata previstas.

Exames

Além de pactuar as 1.716 cirurgias eletivas, a prefeita Vanda Camilo garantiu com a Secretaria Estadual de Saúde que sejam feitos 5 mil exames de imagem (ultrassonografia, tomografia e ressonância magnética).

Estão programadas tomografias da coluna; face; crânio; pescoço, pé e tornozelo. O acordo inclui ressonâncias magnéticas das articulações, de membros, coluna, ultrassom do aparelho urinário, próstata; tireoide; abdômen superior e inferior com dobert colorido, além de exames de cintilografia (para detectar se a pessoa tem câncer nos ossos).

social aqui