01 de Outubro de 2020 | 01:22
noticiasdiariodoms@gmail.com
-->

Warning: getimagesize(/home/diaridoms/public_html/fotos/noticias/10934_0.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/diariodoms/public_html/inc.exibe.php on line 49
Saúde
Noticia de: 11 de Abril de 2020 - 09:12
Fonte A - A+

Quadrilha que furtava material destinado a saneamento básico é presa em Três Lagoas

De acordo com a polícia, 4 funcionários terceirizados foram detidos. Eles desviavam os materiais de saneamento básico por meio de abuso de confiança e revendia o material, em Três Lagoas.

Uma quadrilha especialista em furtar materiais de saneamento básico foi presa nessa quarta-feira (8) em Três Lagoas, a 325 km de Campo Grande. De acordo com a polícia, os criminosos desviavam os materiais de saneamento básico da Sanesul através de abuso de confiança e revendia o material a receptadores que tinham ciência da origem dos produtos desviados da empresa.

Conforme as investigações que foram iniciadas na Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deco), o esquema envolvia funcionários de empresa terceirizada que prestava serviços em obras da empresa e que estariam desviando material de saneamento básico.

De acordo com a polícia, eles furtavam barras de cano da empresa e depois os revendiam a terceiros, na qual prestavam serviços particulares em redes de esgoto residenciais utilizando-se do material furtado.

Segundo a ocorrência, os criminosos foram flagrados realizando ligação particular da rede de esgoto interna de um imóvel. No local, eles utilizavam uma retroescavadeira e mais 15 metros de tubos.

De acordo com a polícia, quatro funcionários prestadores de serviços na empresa terceirizada a cargo da Sanesul foram conduzidos e autuados em flagrante pelo crime de furto qualificado por abuso de confiança e concurso de pessoas. O morador do imóvel onde os funcionários foram flagrados quando faziam a ligação interna da rede de esgoto, foi autuado em flagrante por crime de receptação dolosa, sendo liberado após o pagamento de fiança.

Ainda de acordo com as investigações, o proprietário de um lava jato onde encontravam -se um depósito os canos furtados também foi autuado por receptação dolosa . A investigação continua em andamento em busca de identificar outros imóveis com instalações de redes de esgoto com materiais de origem de furto.

g1

social aqui